14 de nov de 2011

Doctor Who Pode Ir Para o Cinema

Matt Smith em "Doctor Who"

A BBC contratou David Yates, dos filmes de “Harry Potter”, para desenvolver o projeto que poderá dar à “Doctor Who” uma franquia cinematográfica. Segundo Yates em declaração ao Variety, os filmes para o cinema apresentarão uma nova abordagem, diferente daquelas propostas por Russell T. Davis e Steven Moffat, responsáveis por renovar o personagem e sua história na TV.
Yates não utilizou o termo ‘reboot’ da série, mas afirmou que levará cerca de três anos para conseguir fazer ‘uma transformação radical da história’ para que ela possa ser levada aos cinemas. Segundo ele, Davis e  Moffat apresentaram suas próprias ideias na adaptação do personagem para os dias atuais. Embora tenham feito um trabalho fantástico, este será posto de lado para que a produção cinematográfica possa começar do nada.
“Doctor Who” estreou na Inglaterra em 1963 tornando-se a série de ficção científica mais longa da história da TV. O Doutor é um alienígena em forma humana que viaja pelo tempo e pelo espaço, geralmente na companhia de um terráqueo. A série foi originalmente criada com o objetivo de levar ao público infantil noções de ciência e história. Com o tempo, se transformou em um clássico, cultuado por gerações.
Capaz de se regenerar, o Doutor é um personagem que já foi interpretado por diversos atores ao longo dos anos. Renovada para mais uma temporada, a série é atualmente estrelada por Matt Smith, o 11º Doutor.
Em 2013, “Doctor Who” completará 50 anos, data que será comemorada pela BBC com muita pompa. Desde já fãs especulam que a data também marcará o fim da produção na TV e o início da sobrevida do Doutor nos cinemas.
Esta não é a primeira vez que é produzida uma versão da série para o cinema. Em 1965 estreou “Doctor Who and the Daleks”, e em 1966 foi a vez de “Doctor Who: Daleks’ Invasion Earth 2150 A.D.”, ambas estreladas por Peter Cushing.
No momento, o novo projeto cinematográfico está à caça de um roteirista.


Fonte: @Fer_Furquim

0 comentários: